SABE

Sistema de Avaliação Baiano de Educação



Secretários debatem sistema de avaliação do Pacto com Municípios

Mais de 100 secretários da educação de municípios baianos se reuniram na sexta-feira (27/04) em Salvador para discutir o Avalie Alfa, sistema que avalia o desempenho de estudantes das séries iniciais do ensino fundamental. A avaliação é uma das ações do Pacto com Municípios, parceria da Secretaria da Educação do Estado da Bahia com municípios baianos com o objetivo de garantir a alfabetização de todas as crianças até os oito anos de idade. O evento contou com a participação do secretário da Educação do Estado, Osvaldo Barreto.
Os secretários presentes ressaltaram a importância da iniciativa. A avaliação é fundamental porque fortalece o processo de alfabetização, disse Robélia Aragão da Costa, secretária da Educação de Nova Soure. Segundo ela, o Pacto vem surtindo efeito no município, não somente com as escolas e professores, mas também por parte das famílias.
O secretário Osvaldo Barreto disse que o Avalie Alfa é fundamental para a construção de um sistema de avaliação da Educação no Estado, ressaltando que o Pacto com Municípios permite uma integração dos sistemas de educação dos municípios e do Estado, além de troca de experiências.
Para o secretário Idelvan de Araújo, do município de Esplanada, a avaliação é fundamental porque o trabalho está direcionado para a fase inicial da vida escolar. O governo também se preocupa com esta fase da educação, disse.
Evento – Na ocasião, secretários e técnicos da área educacional contaram com a chance de conhecer mais detalhes do desenvolvimento do sistema de avaliação. Esta socialização é muito importante porque orienta os municípios que aderiram ao projeto. Desta forma, podemos discutir estas políticas públicas de ensino, disse Antônio Marcos Barreto, coordenador geral do Pacto com Municípios.
O Pacto com Municípios é o compromisso número um do Programa Todos pela Escola para melhorar a qualidade da educação na Bahia, cuja meta é garantir a alfabetização das crianças até oito anos de idade. Desde o ano passado, quando foram iniciadas as ações, mais de 280 mil estudantes são contemplados com o projeto em 11.770 escolas públicas de 329 municípios baianos.
Fonte: Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Criado em: 27 abr 2012 | Notícias |